Arquivos mensais: setembro 2014

BANHO DE YEMANJÁ PARA SE TER BOA SORTE

4100446_pintura_3

Pegue uma melancia, parta-a em dois, uma maior que a outra. Tire a polpa do lado maior. Misture com sete colheres de melão e volte a encher a metade grande.

Ponha as duas partes em frente a YEMANJÁ com duas velas acesas.

Depois de sete horas, entre em seu banho e esfregue essa mistura da parte maior por todo seu corpo, de baixo para cima até a cabeça.

Enxugue-se e vista-se de branco.

 

Ifá Ni L’Órun

O QUE OFERECER PARA ELEGUÁ?

images (2)

A ELEGUÁ pode-se oferecer:

Peixe defumado ou assado, milho de galinha tostado ou awadó, aguardente, caramelos, biscoitos, frutas, peixe fresco, ovos, mel, bolas de farinha, bolas de Inhame, diferentes grãos cozidos, tais como, por exemplo:

Feijão, grão de bico, lentilhas, etc.

Se acende uma vela durante todo o tempo que temos a oferenda diante ELEGUÁ.

Deve-se deixar as oferendas diante ELEGUÁ durante três dias, pedindo-lhe por saúde e prosperidade.

No terceiro dia se levanta a oferenda e se leva a um rio, jardim, mato ou matagal.

 

Ifá Ni L’Órun

OBRA COM OBATALÁ PARA SE TER SAÚDE

480333

Pegue um copo de leite cru, coloque 16 pedaços de uma folha de sempre viva, 16 pedacinhos de manteiga de cacau, 1 colher de farinha de milho (fubá, que se cozinhou um pouco, pré-cozida), 1 pouco de Efun.

Cada pessoa da casa deve tomar um bocado. Logo depois, se põe no alto o nome de OBATALÁ e a meia noite, pega-se o copo e caminha-se por toda a casa, dos fundos para a frente com o copo no alto e pedindo a OBATALÁ que limpe a casa de toda a enfermidade.

E finalmente se coloca na rua o conteúdo do copo.

 

Ifá Ni L’Órun

OSHÚN IBÚ KOLÉ

ibu kole

Este caminho de Oshún trabalha com ALAKASO (abutre) que é seu símbolo principal. Seu nome significa “aquela que pica” e a que recolhe toda a sujeira e a pó, cuida e limpa a casa. Seu Eleke (fio de contas) é de contas âmbar e coral.

IBÚ KOLÉ salvou o mundo da seca, sendo a única que conseguiu chegar aonde estava Olodumaré, voando em forma de abutre. IBÚ KOLÉ também significa MENSAGEIRA DE OLODUMARÉ.

OGUN E OYÁ

Bufalo-300x248

OGUN estava quase abatendo uma caça de um imponente Búfalo e de repente percebe que a pele do animal se abriu e de dentro saiu a bela OYÁ! Linda, ricamente vestida e cheia de ornamentos que valorizam sua beleza e sensualidade. Ela dobrou a pele de Búfalo e a escondeu em um formigueiro e se dirigiu para a cidade.

OGUN a seguiu e completamente dominado pela beleza de OYÁ, lhe propõe casamento, o que não foi aceito por OYÁ.

OGUN então voltou aonde a viu pela primeira vez sem se render e pegou a pele do esconderijo e a guardou para si, voltando à cidade.

O NASCIMENTO DOS IBEJIS

t8

Etimologicamente a palavra de origem Yorubá IBEJIS provém dos vocábulos “IB”, que traduzido significa nascer e “EJIS”, que significa duplo, seu significado seria “Duplo Nascimento” em alusão aos gêmeos que foram concebidos por OSHÚN e SHANGÓ no Odú do corpus de Ifá “OSHÉ BARA”.

Conta-se em um dos Patakis desse Odú, no caminho de “Por que se leva o Omo Orishá ao Rio” que OSHÚN e SHANGÓ viviam juntos. SHANGÓ teve que ir à guerra e OSHÚN ficou sozinha, mas além disso estava grávida e com o tempo teve dois filhos homens gêmeos, aos que deu o nome de TAIWÓ ao primeiro (TO-AYÉ-WÓ) “o que vem provar a vida” e o segundo que nasceu é chamado de KAINDÉ (KO-EIN-DE) “aquele que vem atrás do outro” e é o maior dos dois. O povo Yorubá disse que KAINDÉ sempre envia a TAIWÓ na frente para descobrir se a vida vale à pena.

PATAKI DE AZOWANO

197601_1642520862715_1227647985_31386389_2530433_a

Em tempos remotos, uma terrível epidemia de chagas da pele assolou a terra Dahomeana (Arará).

Até eles havia chegado a notícia de um milagroso Rei Lukumi e então enviaram emissários pedindo-lhe ajudar urgente, mas estes nunca regressaram.

Numa manhã, já próximos a sucumbir, os poucos sobreviventes se encontraram perto de um pântano, quando apareceu um cavaleiro envolto em uma túnica de múltiplas cores, cavalgando sobre um magnífico corcel branco.

SHANGÓ E OBATALÁ

cache_2419817309

Depois que SHANGÓ derrotou OGUN, ele voltou a sua vida despreocupada de mulheres e festas.

OGUN foi de novo a sua forje e a seu trabalho com metais.

Os dois evitavam de se encontrar sempre que fosse possível, mas quando se viam se ouvia um trovão no céu e se viam relâmpagos.

Depois de ouvir falar da guerra entre os dois irmãos, OBATALÁ convocou a SHANGÓ e disse:

– OMO (Filho) MEU! Tua guerra com teu irmão me traz muita tristeza.

Tu deves aprender a controlar seu temperamento.

– É culpa dele BABÁ, ele ofendeu não somente a minha mãe, mas logo foi atrás de OYÁ e tentou interpor-se entre MIM e OSHÚN.

– Filho meu, ele nunca quis ofender sua mãe. Mas ele também não é o único culpado.

OYÁ era sua esposa e OSHÚN o tentou.

OGUN SAI DO MONTE

tumblr_mlkzpv46Gs1s2hryzo1_500

Deve-se a beleza e o brilho da juventude de OXUM, o motivo de OGUN sair da selva onde vivia só, sem mais companhia que a de seus cachorros. OGUN se escondia dos homens e só via OXÓSSI, o ORIXÁ da caça, dono dos animais silvestres.

Fazia muito tempo que não se sabia de OGUN. Havia um gato faminto que buscando o que comer, ouviu o rumor de uma conversa e se aproximou a escutar. OXÓSSI dizia a OGUN que no povoado havia um velho que tinha dito ser pai dos dois. OGUN respondeu, eu não tenho pai, o que OXÓSSI também respondeu, mas assim mesmo vou ver esse velho, tocarei a porta e se ele me responder ODE MATA, então de verdade esse velho é meu pai. Se não me responder assim, não é meu pai e então vou puní-lo. OGUN disse, eu também irei vê-lo e se não me diz OGUN OBANIRÉ, tampouco não é meu pai e o punirei também.

OZUN (OSUN) O BASTÃO DE ORUNMILÁ

Batea-Orula-y-Osun2

ORUNMILÁ vivia em uma casa de madeira e tinha muitos inimigos (arayés) e estes vendo que ORUNMILÁ sabia tudo e além disso era adivinho. Então acordaram em queimar o seu ILÉ, já que não podiam com ele.

Cavaram um túnel até a casa de ORUNMILÁ sem que este desse conta, até o último quarto, que era de ORUNMILÁ. Pela fresta viam onde ORUNMILÁ se sentava todos os dias para fazer OSODE (Consulta de Ifá).

Então no chão daquele quarto, colocaram quatro madeiras bem fortes para que o piso não afundasse e colocaram bastante lixo e lenha e colocaram fogo.