A UNIÃO DE OGUN E OXÓSSI

 

Ogun y Oshósi

OGUN apesar de manejar bem o facão, tinha sempre sua comida muito distante, porque quando a avistava, começava rapidamente a cortar o mato do bosque para poder chegar até a presa, mas o ruído e o tempo que demorava, faziam com que sua caça fosse embora e ele se lamentava de não poder caçar.

Poderia até matar a presa, mas ao invés disso, não podia ir pegá-la entre os matos que fechavam o caminho até o animal.

Entretanto EXÚ dizia a OGUN que havia outro homem mais poderoso que ele e este mesmo EXÚ dizia a OXÓSSI a mesma coisa, ocasionando uma inimizade entre eles, apesar de que não se conheciam chegando a viver os dois intrigados.

E nisso OGUN decidiu ir ver a ORUNMILÁ e este lhe fez um Osode (Jogo) e mandou que ele fizesse oferendas e sacrifícios e OXÓSSI fez o mesmo. Ambos fizeram a limpeza e saíram para deixar as oferendas numa mata. OGUN colocou sua oferenda na mata e saiu caminhando até onde havia outra mata e se recostou em um tronco. Quando chegou OXÓSSI para deixar a oferenda dele, não viu OGUN que estava ali sentado e deixou cair suas oferendas em cima dele.

Este foi o motivo para começar uma forte discussão a fim de que OXÓSSI desse uma satisfação a OGUN do acontecido. Uma vez que ambos se reconciliaram, se puseram a falar da má situação em que viviam e ambos lamentaram que tinham comida, mas não podiam pegá-la.

Então OXÓSSI viu uma presa um pouco distante, pegou sua flecha e a atirou certeiramente, mas ao mesmo tempo dizia a OGUN, você vê que não posso pegá-la? E OGUN lhe disse, tu verás…e com seu facão abriu um trilho em instantes e ambos chegaram ao lado da presa e a comeram. Desde então eles separados não eram ninguém e esse foi o motivo que se uniram para sempre, fazendo um pacto na casa de ORUNMILÁ.

Esta é a causa porque sempre se entrega OGUN junto com OXÓSSI em IFÁ, nunca separados e sim sempre juntos.

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.