ELEGUÁ LAROYÉ

eshularoye

É um caminho de ELEGUÁ que gosta de viver atrás da porta da casa ou Ilé da pessoa. É um guerreiro e ele gosta muito de andar com OGUN e OSHÓSI. É o protetor da casa e aconselha em questões de negócios.

Encontra-se nos rios e é um protetor de OSHÚN. Gosta de doces, brinquedos, charuto e aguardente. Pode-se agradá-lo com bolinhas de milho (fubá), goiabas e mel.

Em um Pataki ele é considerado como filho de OYÁ, quem o abandonou, daí o nome de LAROYÉ, ainda que alguns dizem que esse nome significa “o falante”.

Num caminho como filho de OYÁ, se refugiava nas portas das casas, até que foi viver na beira do rio com OSHÚN.

É conhecido como guardião das crianças, mas também dos mendigos ou crianças de rua, orfanatos e ainda dos desamparados.

É por natureza muito guloso, mas muito sábio também. Vê tudo e sabe de tudo, por isso avisa dos perigos.

Entre suas ferramentas leva um bastão, confeccionado com madeira de goiabeira, uma panelinha, doces e três facõezinhos com os quais defende a porta da casa onde vive.

Recomenda-se a seus filhos sempre dar esmolas e comida as crianças desamparadas. Ele é conhecido como menino caridoso.

 

Maferefun Eleguá todos os dias! Alaroyé, Mojuba Eleguá!

 

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.