ORISHAOKO SALVA A TERRA DA INVASÃO DAS ÁGUAS

rainbow

Depois que OLOKUN invadiu tudo com suas águas, aos habitantes do planeta não lhe restaram outro remédio senão refugiar-se nas montanhas mais altas.

Muitas foram as intenções de chamar a atenção de OLÓFIN para que solucionasse aquela situação tão difícil. Os homens tiveram a ideia de construir uma grande torre que chegasse ao céu, mas os pedreiros de tanto trabalhar isolados, terminaram falando uma linguagem que os demais não podiam entender, assim também foi com os carpinteiros e a cada grupo de trabalhadores.

Desse jeito surgiram distintos idiomas e se tornou tão difícil continuar e pouco a pouco foram abandonando a construção do edifício.

Um agricultor que se chamava OKO, teve uma ideia melhor. Com suas ferramentas de lavoura, fez 7 (sete) fendas imensas na montanha e semeou cada uma delas com plantas de uma cor diferente.

orishaoko

Numa manhã que OLÓFIN olhou para à Terra, avistou o desenho que OKO havia realizado. Tanto gostou que de imediato ordenou que se fizesse uma ponte com 7 (sete) cores iguais às que estavam na montanha, para que o autor daquela maravilha pudesse subir ao Palácio de OLÓFIN.

Quando OKO lhe contou o que havia sucedido, OLÓFIN indignado ordenou a YEMANJÁ que acorrentasse OLOKUN no fundo do mar.

OKO voltou à Terra que agora tinha mais espaço para cultivar, porque as águas do mar haviam se retirado. Na medida que os homens tomaram conhecimento de sua façanha, começaram a chamá-lo de ORISHAOKO.

OLÓFIN decidiu que OXUMARÉ, o arco-íris, baixasse de vez em quando à Terra para lembrar de tudo que havia acontecido.

 

MAFEREFUN ORISHAOKO!! AXÉ!!!

 

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.