INLÉ ABATA

QUEM É INLÉ ABATA?

INLE é um OSHA que representa a pesca e a colheita pré-hortícola.
Protege os médicos e pescadores. É o médico de OSHA, além disso é adivinho. É guerreiro, caçador e pescador. Está representado na natureza pelo pescado. Simboliza a saúde que se recebe para apartar as enfermidades. É provedor do sustento humano. É guia dos caminhantes. Vive na terra e na água. ORIXÁ da economia extrativa. Ele é o grande detentor do conhecimento do mundo. Antes de OSSAIN, quem sabia os segredos da natureza era INLÉ. No Brasil é tratado como OXÓSSSI, porém não é. OXÓSSI é seu compadre e amigo. INLÉ é casado com a irmã de OXÓSSI, ABATA. INLÉ e OXUM são os verdadeiros pais de LOGUN EDÉ.

Seu culto provém do povo de ILOBU, por onde passa um pequeno rio que leva seu nome, se diz que protegia os YORUBÁS da invasão dos FULANIS. É andrógino e muito belo.

ABATA, sua esposa, se recebe juntamente com INLÉ. Seu nome provém do YORUBÁ ERILÉ que significa “Terra de Elefantes”  no sentido de o alimento que dá a terra. Somente se raspa esse ORIXÁ como tutelar fazendo ORÓ para YEMANJÁ.

Suas cores são tonalidades de verdes e azuis.
Se saúda: Maferefun Babá INLÉ!

Patakin:

Certo dia YEMANJÁ foi se banhar e encontrou um lindo jovem pelo qual se apaixonou de imediato. Sua beleza encantadora encantou a YEMANJÁ. INLÉ também se sentiu atraído pela beleza de YEMANJÁ. Foi então que ela o chamou para morar com ela no fundo do mar, conhecendo assim os segredos de como respirar embaixo d’água e os mistérios e riquezas existentes lá.
INLÉ aceitou e então foi morar com YEMANJÁ. Ela lhe mostrou todos os seus segredos, riquezas e mistérios. Entretanto, INLÉ é o grande detentor de conhecimento do mundo e um grande médico e sentiu a necessidade de andar pela terra ajudando as pessoas e aprendendo pelo mundo a fora. Ele não nascera para ficar preso no fundo do mar. Foi então que YEMANJÁ resolveu devolvê-lo à terra, mas antes disso, cortou sua língua a fim dele não contar nada sobre o que viu e ouviu. Ele aceitou e ainda assim a coroou como Rainha. Ele foi então morar novamente na terra a andar pelo mundo. Por isso até hoje quem fala por INLÉ é YEMANJÁ, que ele mesmo a consagrou como rainha soberana.

 

Ifá Ni L’Órun

 

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.