ELEGBÁ E O FILHO DE OLÓFIN

10984277_768157329941380_7492918684923028016_n

O filho de OLÓFIN estava muito triste porque seu pai estava enfermo gravemente e não havia modo de curá-lo.

ELEGBÁ ao ver como ele estava, perguntou: “O que acontece contigo que estás tão triste?” Ele respondeu: “É por meu pai que está muito grave e dizem não ter cura. ELEGBÁ perguntou:

“E o que você me dá se eu curar seu pai?” “O que você quiser”. Disse o filho de OLÓFIN. ELEGBÁ disse: “Pois bem, vá a beira do mar. Ali encontrará uma mulher gorda sentada sobre um pilão.

Embaixo do pilão está o segredo com o qual o seu pai se curará. Porém, antes terás que lutar com a mulher e tirá-la do pilão para poder pegar o segredo”. O filho de OLÓFIN foi à praia, lutou com a mulher obesa e venceu. Pegou o segredo, levou até o seu pai e este se curou.

No terceiro dia saiu o filho de OLÓFIN para procurar ELEGBÁ para dar-lhe graças e o que ele quisesse pedir. Quando se encontrou com ELEGBÁ, este lhe disse: “Eu só quero que OLÓFIN me conceda estar sempre atrás de SHILEKUN ILÉ (porta da casa), para que de tal forma, tudo que entre e saia saúdem a mim primeiro”.

O filho de OLÓFIN falou com seu pai e este concedeu a ELEGBÁ o que ele havia pedido.

Maferefun ELEGBÁ!

 

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.