CONTINUAÇÃO: BABALAWÓS DE IFÁ: DA NIGÉRIA ATÉ A PRESERVAÇÃO EM CUBA

mapa2

A maior FAMÍLIA de BABALAWÓS em CUBA foi a de BERNARDO ROJAS, porque ele foi quem mais afilhados consagrou e além disso era ele que mais tinha capacidade. Todas as demais FAMÍLIAS de IFÁ que existiam na época ajudavam a BERNARDO ROJAS em busca de conselhos e de orientação e de união a ele, menos a de ASUNCIÓN VILLALONGA, que era distinta.

Outro dos grandes pilares de IFÁ em CUBA foi TATA GAITÁN, nascido em MATANZAS e de pai africano. Depois de conseguir sua liberdade, se mudou para CAMAGÜEY onde fez IFÁ (cerimônia para BABALAWÓ), sendo seu padrinho o africano LUGERY (OYEKUN MEJI).

Um dia seu padrinho lhe disse:

Tata gaitan

– TATA eu vou para a ÁFRICA, mas se eu me demorar ou acontecer algo comigo, vá ver ÑO CÁRDENA em MATANZAS.

ÑO CÁRDENA era um escravo africano vindo da NIGÉRIA, irmão de IFÁ de LUGERY.

LUGERY ensinou TATA GAITÁN uma reza e um SUYERE:

– Quando você chegar onde está ele, você deve se atirar ao chão e fazer a reza que te ensinei.

LUGERY OYEKUN MEJI saiu para a NIGÉRIA via MÉXICO e ali morreu.

TATA GAITÁN teve muito trabalho para saber o paradeiro de ÑO CÁRDENA. Averiguou por aqui e averiguou por ali e nada, até que por fim se encontrou com uma senhora que disse:

– Está num lugar assim e assim, e foi dessa maneira que ensinou onde ele estava.

Quando TATA GAITÁN chegou onde ÑO CÁRDENA estava, se atirou ao chão e fez a reza que havia lhe ensinado seu padrinho.

– E tu quem és?

– Sou afilhado de LUGERY KOCO OYEKUN MEJI

Cornelio vidal

– E quem te disse que eu estava aqui?

– Foi uma mulher.

– Mulher faladeira!

– E o que tu queres?

– Bom, eu venho para que o senhor me faça aprender IFÁ, porque meu padrinho se foi de viagem e…

– Senta-te aí e descansa, interrompeu a narrativa.

ÑO CÁRDENAS nunca deu ADIMU a nada de ninguém, mas sim ensinou os SUYERES, os cantos, as rezas e as cerimônias fúnebres. TATA GAITÁN, que era um cérebro privilegiado, aprendeu tudo isso e se converteu em um grande maestro de cerimônia.

Foi o único BABALAWÓ que se consagrou em ASHEDÁ, que é como dizer OBÁ, rei; foi aceito por todos os maiores daquela época.

E nisso consagrou ASUNCIÓN VILLALONGA. Depois que ele o coroou, ninguém mais se coroou nisso, porque ao morrer seus maiores, cada qual criou sua própria rama.

O primeiro ODUDUWÁ foi dado por TATA GAITÁN a BERNARDO ROJAS e OLOKUN também, testemunho disso foi um BABALAWÓ africano que lhe chamavam pelo nome de KIN KON.

Outros grandes de IFÁ em CUBA foram os FEBLES.

miguel_febles_final2

ÑO CÁRDENAS era muito amigo de RAMÓN FEBLES, pai de PANCHITO e MIGUELITO FEBLES. RAMÓN, que era BABALAWÓ, também costumava enviar seus filhos a ÑO CÁRDENAS para que eles também aprendessem IFÁ. Aí foi onde eles dois, MIGUELITO e PANCHITO aprenderam tudo o que sabiam de ODUDUWÁ, mas MIGUELITO, como era meio atrevido, os maiores daquela época decidiram freá-lo.

RAMÓN FEBLES (OGBE TUÁ) era carpinteiro de urna funerária.

BERNABÉ MENOCAL, BABEL BABA EJIOGBE (IFÁ LOLA), se diziam poço sem fundo, afilhado, descendente de BERNABÉ; TATA GAITÁN (OGUNDA FUN); BERNARDO ROJAS (IRETE TENDI); CORNELIO VIDAL, ASUNCIÓN VILLALONGA; GUILHERMO CASTRO; ALFREDO RIVERO; JOAQUÍN SALAZAR (OSÁ LOFOBEYÓ), ERUDITO, afilhado de CORNÉLIO VIDAL, quando morre este, ele se tornou o maestro de cerimônia de BERNARDO; PANCHITO FEBLES (OTURA NIKO) diziam o CAVALEIRO DE IFÁ por sua maneira de ser, sua forma de expressar, de falar, sua forma de dirigir, era um tipo completamente modesto, ele falava com uma facilidade tremenda; CUNDO SEVILLA; BARÓ (OSHE YEKU) um negro alto, grande, forte, analfabeto, não sabia ler nem escrever, firmava com os dedos, mas quando falava de IFÁ era um BÁRBARO, diziam que era OLÓFIN no céu e ele na Terra; o outro era CHINITO POEY, vivia em LAGUNA, afilhado de BERNARDITO (OSHE PAURE), filósofo, fazia tremer um quarto de IFÁ; ALFREDO RIVERO afilhado de TATA GAITÁN, uma capacidade também; FÉLIX O NEGRO (OSÁ RETE), bruto, mas com muito conhecimento; ANDRÉS BOMBALIER (OGUNDA BIODÉ), foi para os ESTADOS UNIDOS e ali morreu, o mais atrevido de todos era MIGUELITO FEBLES, afilhado de CORNELIO VIDAL.

MIGUEL tinha uma grande virtude, quando se tratava de um EGUN, de ODUDUWÁ, era extraordinário, se transformava nos SUYERES.

Esses são alguns dos nomes que, graças a eles, IFÁ  vindo da NIGÉRIA foi preservado em CUBA e de CUBA para todo o mundo. Graças a eles que hoje, sabemos o que é IFÁ.

IBORU IBOYA IBOSHESHE

 

Ifá Ni L’Órun

 

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.