A GUERRA ENTRE ABITA – O MAL E ORUNMILÁ

d24b3886dab3e33a948b4104a64047bb

ABITA (o mal) há tempos queria medir forças com ORUNMILÁ, pois este cada vez que ABITA prejudicava alguém com seus atos, ORUNMILÁ o salvava.

Então ABITA preparou todos os seus adeptos, os ASHUMULEI (feiticeiros) para derrotar ORUNMILÁ. Preparou algo e chamou ORUNMILÁ para guerrear.

ORUNMILÁ se consultou com IFÁ e por orientação deste preparou alguns sacrifícios e oferendas e fez tudo antes da luta e chamando o seu ajudante OGUN, fez ASHINIMA e mandou OGUN ao monte buscar EWÉ YILEBO, que era a única EWÉ que derrotava ABITA.

ORUNMILÁ disse a OGUN, deixa-me guerrear sozinho, minha última arma usarei se ABITA jogar sujo na luta. O dia da luta chegou e começaram a fazer proezas, mas ABITA tinha um IYEKA, um pó maléfico e num descuido de ORUNMILÁ o soprou na direção dele e este imediatamente caiu.

Todos os seguidores de ABITA cantaram e dançaram, pois ORUNMILÁ estava OKU. O levaram a sua casa e se reuniram para decidirem que:

Em primeiro lugar:

Fazer todo o possível para que ele não revivesse

Em segundo lugar:

Se ele voltasse em si, que não o deixassem levantar

Em terceiro lugar:

Se ele se levantasse, não o deixariam chegar a seu tabuleiro, para que não pudesse chamar os IRUNMOLÉ.

ABITA e todo os ASHUMULEI estavam de guarda e chamavam todo mundo para que vissem que ORUNMILÁ estava OKU.

ORUNMILÁ não estava morto, pois o ASHINIMA que havia feito havia evitado que ele morresse e IYEKA só o havia adormecido. Quando menos esperavam, ORUNMILÁ recobrou sua consciência e agarrando o galho de EWÉ YILEBO que tinha ao lado, começou a cantar:

“EWÉ YILEBO IGI DERE INA BAKUARÉ KORAWÓ KORAWÓ

INA BAKURE OYÉ OYÉ NILÉ AWÓ”

(ORUNMILÁ é como EWÉ YILEBÓ, árvore dura que o fogo do mal ataca, mas ninguém pode com ele, o mal se vai da casa do AWÓ).

E conforme cantava, golpeava os ASHUMULEI, destruindo-os todos.

ABITA ao ver isso, não teve outro remédio a não ser reconhecer que com ORUNMILÁ não podia e que era APATAKI IMALÉ ALAKAIYÉ (o principal dentre os ORISHÁS).

Maferefun ORUNMILÁ todos os dias!

 

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.