OS SÁBIOS CONSELHOS DE ORUNMILÁ

tumblr_n72bo2nLg61s2hryzo1_500

OBATALÁ tinha uma filha muito linda, doce e sensível que era a felicidade do pai.

Esta filha tinha três apaixonados por ela: IKÚ, ARO e OFO. Como é de se imaginar, OBATALÁ estava diante de um espinhoso dilema, pois se desse a mão de sua filha a um deles, os outros dois se vingariam.

Sua escolha, qualquer que fosse, colocaria em perigo a vida de sua filha, tão querida para ele.

OBATALÁ então se transformou em uma pomba e pousou em uma árvore frondosa de flores multicolores que representavam todas as virtudes dais quais gozavam seu reinado e se sentiu muito infeliz. Assim pensando, caiu em um sono profundo. Quando despertou, lhe veio à mente tudo o que havia sonhado e rapidamente foi emitir uma proclamação a todo o seu reino no qual dizia:

“Quem me trouxer um ABANI (animal raro) se casará com minha filha”.

Nesse tempo os ABANI eram muito escassos e difíceis de caçar. Na mesma mata que rodeava o palácio, vivia um camponês que adorava em silêncio a filha de OBATALÁ e havia decidido levar-lhe o ABANI solicitado, mas consultou antes de sua decisão a ORUNMILÁ. IFÁ lhe recomendou que fizesse algumas oferendas e sacrifícios e depois fosse ao monte cantar.

Assim fez o camponês e seu canto era tão doce e melodioso que seus1256470317888_f ecos pareciam suaves vozes vindas de outro mundo. IKÚ, quem vinha pela trilha na mata, parou para ouvir o canto e trazia um saco com o almejado ABANI. Extasiado com o canto, deixou cair o saco e ficou paralisado. O camponês aproveitou seu pequeno transe para pegar o saco e o levou de imediato a OBATALÁ, quem lhe concedeu sua filha em matrimônio.

Isto aconteceu ao bom homem por ouvir os sempre sábios conselhos de ORUNMILÁ.

Por mandado de OBATALÁ, ORUNMILÁ, ESHÚ e OGUN, IKÚ, ARO e OFO (são parte dos OSOGBOS (negatividades)) ficaram presos, sem poder fazer dano algum.

 

Maferefun OBATALÁ

Maferefun GBOGBO ORISHÁS

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.