PARA QUE SE CONSAGRAR EM ORIXÁ?

A consagração é a proteção dos ORIXÁS, além do que permite conhecer durante um ITÁ, os conselhos que os ORIXÁS nos dão para uma vida toda, assim como as coisas que nos fazem mal e bem, para que tenhamos uma vida plena e feliz.

A consagração em ORIXÁ não significa que a pessoa deixe de ser como é e que tenha que mudar drasticamente seus hábitos de convivência social, nem tampouco renunciar a sua condição humana natural. Pelo contrário.

Quem chega a esta sagrada consagração, experimenta gradualmente muitas mudanças ou modificações em toda sua volta, em sua saúde, em sua mente, tudo isso favorecendo o iniciado, convertendo-o em um ser pleno, socialmente útil, com um guia que o levará pela vida com mais conhecimento dos acontecimentos que estão por acontecer em seu transcurso.

Geralmente quem se “Consagra em ORIXÁ” são pelos seguintes motivos:

1 – Por destino ou complementação espiritual.

2 – Por desordens emocionais, físicos e sociais extremos e incontroláveis.

3 – Por estabilidade geral.

4 – Para evitar perigos inesperados apontados em seu destino.

5 – Por amor e entrega a missão.

6 – Por proteção geral.

Todo OLORIXÁ quando se inicia, experimenta gradualmente uma mudança ou “metamorfose” total em sua vida, que vai se desenvolvendo paulatinamente e em silêncio durante os anos posteriores a sua iniciação. Vai alcançando a harmonia alinhada através de disciplinas, fórmulas e conselhos que se oferecem como Sacerdote ou Sacerdotisa. A vida muda favoravelmente em todos os sentidos.

É um soberano erro acreditar que quando se chega a religião está protegido absolutamente de todos os acontecimentos marcados e irreversíveis no destino individual. A Consagração em ORIXÁ se torna um apoio ou sustentação para evitar os efeitos prejudiciais extremos desses acontecimentos, mas não para tirá-los radicalmente de nossas vidas.

Tampouco serve para sobrepor fatos ou atitudes antissociais. A Consagração em ORIXÁ tem poder para mudar os maus hábitos, não para assegurá-los ou aprová-los com completude. Muitos acreditam erroneamente que consagrando ORIXÁ a pessoa se torna um “super-herói” e isso não é verdade. Quem propaga essa lamentável informação propagandística, só engana e transmite uma falsa imagem de nosso ofício espiritual.

A Consagração em ORIXÁ está para criar, como Mãe Absoluta da Espiritualidade YORUBÁ, a homens e mulheres úteis e para estabelecer uma ordem que proporcione equilíbrio e uma felicidade especial, se a pessoa compreender e absorver as normas e regras a que estamos sujeitos todos os seres humanos nesse plano terrenal.

A Consagração em ORIXÁ facilita um crescimento espiritual incomparável, que faz com que a pessoa que a cumpre, ser torne uma pessoa diferente, um ser humano melhor.

Consagrar-se em ORIXÁ é uma experiência maravilhosa e a medida que passa o tempo, a comunicação com os ORIXÁS e a proteção que estes nos brindam, trazem a prosperidade, assim como ajudam a superar os obstáculos da vida.

 

Ifá Ni L’Órun

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.