YEWÁ

collares-de-mazo-yewa

Quem é Yewá?

Yewá ou Yeguá é um Osha que representa a solidão, a contenção dos sentimentos, a castidade feminina, a virgindade e a esterilidade. Linda e jovem . É a dona dos Eguns, pois vive no mundo além vida.

Yewá é o Osha dona dos campos onde descansam os Eguns e amplamente ligada à morte. Seu culto procede de Dahomey e viveu em Egwadó.  Oyá abre a porta do cemitério e entrega os Eguns a Óba que os encaminha até Yewá que então os leva para o mundo do além vida. É a que dança sobre as tumbas.

Seu nome provém do Yorubá Yèwá (Yeyé:mãe – Awá: nossa). Adorada principalmente nas casas de Santiago de Cuba, onde é tida como Osha tutelar e seus filhos gozam de um grande prestígio como adivinhos e se mantém na mais rígida regra. Diante de seu assentamento não se pode desnudar, ter namoricos ou disputas, agir com violência ou rudeza e nem sequer levantar a voz. Tem um otá de cor preferencialmente escura que se pega em um monte ou proximidades de um cemitério e 9 pedras rosas ou rosadas.

yewa_jpg_jpg

Patakin:

Yewá vivia sozinha no castelo de Olófin (DEUS), que a adorava como sendo muito bela e virtuosa. Quando Shangó ouviu falar nas qualidades de Yewá, que eram a sua virgindade, beleza, juventude e frigidez, apostou com Eleguá que poderia seduzi-la. Ela vivia nos jardins de Olófin e era a menina dos olhos dele. Um dia da janela viu Shangó e se apaixonou loucamente. Shangó então seduziu Yewá e Olófin ficou furioso, condenando Shangó a entregar os conhecimentos e o jogo de Ifá para Orunmilá e a atender a qualquer pedido de Yewá. Ela por sua vez pediu ao pai para enviá-la para um lugar onde ela nunca mais pudesse ser vista por qualquer homem. Olófin então disse que não havia nada puro nesse mundo. E assim Olófin a fez a rainha dos Eguns, pois ali nenhum homem vivo poderia vê-la e a partir desse momento ela passou a viver nos campos dos Eguns.

Ifá Ni L’Órun Otura Aira

Gostou? Que bom, compartilhe com seus amigos.